Falta algo...

05/06/2017 16:09

 Placar nefasto...

 

    Finalizada a 4a rodada da serie B. O Internacional está em 10º lugar com 5 pontos ganhos. Parece mentira, mas esta é a realidade do momento. Iniciamos com Zago no comando, porém era liquido e certo que não ficaria até o fim. Veio Guto Ferreira, técnico que conhece o clube, as pessoas e que recentemente obteve êxito nesta divisão ao ascender o E.C.Bahia.

    Logo na estreia, à vitória não veio por pouco. Inter fez uma partida até certa altura razoável, mas aos poucos, como um carro na subida que vai perdendo forças, seja por motor enfraquecido, seja por falta de combustível, os colorados cederam campo ao modesto Juventude, adversário desprovido de brilhatura técnica, mas com bravura anímica e disciplina tática de impressionar, e este Juventude marcou gol de empate no final, duro castigo, aliás, contra o Palmeiras foi a mesma coisa, quase que no mesmo tempo de jogo.

    Ao final, vaias, novos protestos, muita gente de cabeça fervendo,  dirigentes e comissão técnica atônitos, afinal quando Nico Lopez fez o gol, estávamos indo pra o 3º lugar, ainda não seria o ideal, talvez muito próximo disso, mas infelizmente ficamos em 10º, local até então impensável para quem tem o material humano que temos.

    Guto Ferreira terá muito trabalho. Tanto que ao abrir a semana, no único treinamento antes da partida contra o Figueirense, a comissão decidiu não levar para SC alguns dos seus titulares, motivo: Jogadores desgastados fisicamente.

    Confesso que não tenho como avaliar tal providência. A única coisa que tenho certeza é que, não se consegue adquirir condicionamento físico ideal em menos de 15, 20 dias de trabalho intenso. Entendo que estes atletas estão ficando para evitar lesões, mas não para retreinamento como tenho lido e ouvido.

    O certo é que será um jogo de risco, se perder, fico imaginando o Beira Rio sábado próximo contra o Náutico, pressão absurda pela vitória, isto é um facilitador para o adversário, aliás, todos os que aqui vierem, não terão responsabilidade em vencer-nos, e isto em futebol conta para os pequenos, tanto que as vezes a superioridade sucumbe mediante a este fator, o de não estar obrigado a vir e fazer um enfrentamento de igual para igual.

    Em cima disto, penso que nossa diretoria precisa agir rápido, além de um zagueiro titular, urge a contratação de um meia driblador,  que rabisque e fure bloqueios que serão impostos aqui em casa, ou então um goleador capaz de retirar coelho da cartola quando o jogo estiver embatucado. Não é hora de economia BURRA, ou subimos este ano, ou ficaremos muito tempo nesta divisão que não é nosso lugar, ainda da tempo, a janela está se abrindo, tirem da onde tiver que tirar, mas precisamos de material humano deste quilate.

    Apoio o torcedor está dando, falta agora jogadores e direção retribuírem.

 

Vilmar Silva